Mães de primeira viagem03/05/2012 | 10h02

Mitos e verdades sobre os cuidados com seu bebê

Pediatra lista dúvidas frequentes das mães e diz que deve ser seguido e conselhos que devem ser descartados

Enviar para um amigo
Mitos e verdades sobre os cuidados com seu bebê Stock Images/Stock Images
Foto: Stock Images / Stock Images

Mães de primeira viagem ficam perdidas com dezenas de conselhos da família e dos amigos sobre os cuidados com o bebê. Entre simpatias, receitas caseiras e dicas passadas de geração em geração, é preciso saber o que vale adotar e o que deve ser descartado. A pediatra Camila Reibscheid dá algumas dicas.

O bebê deve mamar de três em três horas?
Não exatamente. A amamentação deve ser feita em livre demanda, ou seja, sempre que a mãe perceber que o bebê está com fome. A criança não pode ficar mais de três horas sem mamar, o que não significa que a mãe deve esperar três horas para amamentar novamente. 

O bebê deve sempre arrotar após cada mamada?
O ideal é que isso aconteça, mas existem casos de bebês que não arrotam. É um tanto comum, por isso indicamos aos pais que coloquem a criança de pé e após 10 ou 15 minutos ela já pode ser colocada no berço ou carrinho. É imprescindível que esse espaço de tempo seja dado ao bebê. As famosas "palmadinhas" nas costas são desnecessárias.   
  
A chupeta pode prejudicar a dentição da criança?
Existem vários estudos e pesquisas contraditórias sobre isso. A chupeta deve servir de instrumento para acalmar o bebê em certas situações. Antes de completar um ano, seu uso não influi no desenvolvimento da dentição, mas deve ser usado moderadamente e não se tornar um hábito. 
 
Dar banho à noite pode causar cólicas?
Mito. Apesar dos conselhos sobre banhos noturnos essa é a técnica mais indicada para acalmar o bebê e diminuir as cólicas. Pode ser feito todas as noites, não tem problema. 
  
Sair de casa com o bebê menor de dois meses é perigoso?
Com certeza. Nesta idade a criança ainda não está totalmente vacinada e fica muito exposta. É mais uma questão de bom senso. Lugares fechados, como shoppings, devem ser os mais evitados não só pela grande movimentação, mas também pelo barulho que incomoda muito os bebês. 
  
Bebês sentem mais frio que os adultos?
Mito. Por serem pequenos eles não tem a mesma estabilidade térmica que os adultos e precisam estar aquecidos. Porém os bebês sentem muito calor, pois tem o metabolismo mais acelerado.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Donna no Twitter

clicRBS
Nova busca - outros