27/01/2011 | 06h30

Teste de concentração: descubra como está o seu poder de se focar nas tarefas diárias

Responda às perguntas e descubra como você se concentra melhor

Enviar para um amigo
Teste de concentração: descubra como está o seu poder de se focar nas tarefas diárias Patrick Rodrigues/
Seu perfil é do tipo que faz anotação ou que nunca se esquece de nada? Foto: Patrick Rodrigues

Compartilhar

Resposta às perguntas e vá somando os números ao final da resposta.

1. Quando tem uma tarefa para realizar, você:
a) Prepara-se com antecedência e conclui antes do prazo (1)
b) Faz várias anotações para usar durante o trabalho (3)
c) Pensa e conversa com outras pessoas antes de começar a trabalhar (4)
d) Deixa para a última hora (2)
 
2. Seu local de trabalho é:
a) Organizado e tem apenas objetos necessários (4)
b) Limpo, exceto pelo que precisa para fazer o seu trabalho (2)
c) Um pequeno espaço no meio de uma grande desorganização (3)
d) Você não tem espaço de trabalho (1)
 
3. Quando está trabalhando, você prefere:
a) Silêncio total (3)
b) Algum som de fundo (2)
c) Música (4)
d) Qualquer uma das anteriores — você é indiferente a sons (1)
 
4. Quando está usando o telefone, você:
a) Costuma usar o ouvido direito (4)
b) Costuma usar o ouvido esquerdo (3)
c) Altena entre os ouvidos (1)
d) Prefere usar um aparelho que deixei suas mãos livres e permita que você se movimente (2)
 
5. Você usa o telefone com mais frequência para:
a) Fofocar (4)
b) Fazer telefonemas de trabalho (1)
c) Trocar o mínimo de informações (3)
d) O mínimo possível (2)
 
6. Com qual frequência você desliga o celular:

a) Nunca (4)
b) Quando não estou trabalhando, portanto, à noite (2)
c) Quando vai dormir (3)
d) Não tem celular (1)
 
7. Quando lê, você:
a) Lê conscientemente cada palavra como se pudesse ouvi-la na sua mente (3)
b) Murmura as palavras enquando lê (4)
c) Faz anotações enquando lê (2)
d) Faz uma leitura dinâmica (1)
 
8. A fim de não se esquecer de algo, você:
a) Escreve um lembrete para si mesmo (3)
b) Repete para se lembrar (4)
c) Coloca um objeto em um lugar diferente para se lembrar (2)
d) Nenhuma das anteriores — você nunca se esquece (1)
 
9. A fim de encontrar a solução para um problema, você:
a) Pensa em várias formas diferentes de resolvê-lo (4)
b) Encontra imediatamente uma forma de resolvê-lo (3)
c) Entra em pânico (1)
d) Pede ajuda a alguém (2)
 
10. Quando trabalha em um projeto, você prefere:
a) Trabalhar só (3)
b) Trabalhar com uma ou duas pessoas (1)
c) Liderar uma equipe (4)
d) Colaborar com uma equipe emprestando seu conhecimento (2)
 
Pontuações
 
10-15 pontos:
Você é uma pessoa com quem é fácil se relacionar e não tem uma preferência em especial para lidar com as coisas, mas pode achar mais fácil concentrar-se em algumas coisas que em outras. Identificar o que é mais natural para você pode ajudá-lo a encontrar diferentes formas de resolver problemas quando achar que não consegue sair do lugar.
 
16-25 pontos:
Você tende a preferir ação. Acha mais fácil concentrar-se em algo que faz um sentido físico para você, portanto gosta de resolver as coisas movimentando-se, avaliando-as a partir de pontos de vista diferentes e tocando-as. Provavelmente, tem boas habilidades espaciais e avalia tudo de vários ângulos, preferindo o pensamento divergente. Gosta de ser bom no que faz e fica feliz tanto em acrescentar conhecimento a uma equipe quanto em trabalhar sozinho.
 
26-35 pontos:
Você prefere o aprendizado visual. Provavelmente rabisca quando usa o telefone e gosta de resolver problemas desenhando diagramas ou fluxogramas e fazendo listas. Você pode aperfeiçoar suas habilidades auditivas para equilibrar isso, mas tende a lembrar-se das coisas visualizando-as, e pode ser bom em soletração, pois é capaz de "ver" as palavras na sua mente.
 
36-40 pontos:
Você prefere o aprendizado auditivo e, provavelmente, se concentra com facilidade no que ouve. Pode ser um bom linguista, mímico ou músico. Contudo, pode equilibrar isso procurando formas adicionais de se concentrar: não confiar apenas no que está na sua cabeça quando tentar aumentar sua capacidade de concentração — faça também anotações.
 
Fonte: A Arte da Concentração, de Harriet Griffey. Editora Larousse

CORREIO BRAZILIENSE

Notícias Relacionadas

13/01/2011 | 09h30

Analisar conquistas do ano que passou ajuda a definir metas de 2011

Especialista em coach dá dicas de como não fugir dos planos ao longo do ano

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Donna no Twitter

clicRBS
Nova busca - outros