Cpers x Piratini13/05/2012 | 22h19

Governo orienta pais a mandarem filhos para escola apesar da paralisação de professores

Sindicato convocou greve de apenas um dia na segunda-feira quando fará vigília em frente ao Palácio e posterior marcha pelas ruas de Porto Alegre

Enviar para um amigo
O Cpers convoca paralisação dos professores nesta segunda-feira, mas a secretaria estadual da Educação orienta que os pais levem os filhos para a escola. O sindicato prepara vigília em frente ao Palácio Piratini e, no final da manhã, uma marcha será realizada pelas principais ruas do centro da Capital.

A presidente do Cpers, Rejane de Oliveira, quer marcar os 500 dias do governo Tarso Genro.

— Estamos sofrendo um ataque frontal — agora com este acordo que o governo fez com o Ministério Público. São 500 dias de um governo fora da lei que não cumpre a lei do piso nacional.

A paralisação será de apenas um dia.

A secretária adjunta da Educação, Maria Eulália do Nascimento, acredita que os professores reconhecerão as conquistas obtidas no atual governo, como a proposta de reajuste de 76% nos salários até 2014.

— São ventos de avanço na educação e temos a expectativa de que a maioria absoluta de professores e funcionários de escolas reconhecem isso, mesmo tendo ainda aspectos a serem conquistados — nós não negamos, reconhecemos.

O governo espera divulgar a lista dos aprovados no concurso do magistério até quarta-feira. As primeiras nomeações devem ocorrer em agosto.

Notícias Relacionadas

Piso do magistério 26/04/2012 | 21h57

Proposta não é a ideal, afirma secretário da Educação

Segundo a Zevedo, Aumento destinado a 35,6 mil educadores foi proposta pelo MP e aceita pelo Governo

Longe do ideal  26/04/2012 | 17h41

Pelo menos 13 estados da federação não pagam o piso mínimo para o magistério

A exemplo do Rio Grande do Sul, alguns estados estão negociando acertos para chegar ao piso

Piso provisório 26/04/2012 | 14h38

Presidente do Cpers afirma que anúncio do governo "é golpe"

Rejane de Oliveira criticou acordo firmado entre Ministério Público e administração estadual

Decisão provisória 26/04/2012 | 11h28

Após acordo com MP, Estado garante pagamento do piso nacional a 35,6 mil professores

Pagamento de R$ 1.451 vai ocorrer por meio de parcela complementar já na folha de abril

Decisão judicial 05/03/2012 | 16h37

Justiça determina pagamento do piso nacional aos professores da rede estadual

Chefe da Casa Civil do Estado vai se pronunciar em entrevista coletiva no fim da tarde desta segunda

Comentar esta matéria Comentários (2)

P@ulo

Esta é velha e conhecida tática de governos ditadores de extrema direita: Colocar o povo contra os trabalhadores.

14/05/2012 | 07h21 Denunciar

Edemar

Antes, afirmavam ser MÁ VONTADE dos governantes, o Sr. LULA, ficou por 08 anos e a Presidente Dilma, está dando continuidade ao governo PT, agora, o que falta, para que o trabalhador, que sustenta toda esta farra, possa ter seus direitos garantidos ? Criam cargos pra companheirada e o povo paga.

14/05/2012 | 00h26 Denunciar

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraRT @mefortuna: Ainda há lentidão no km 83 da freeway, principalmente no sentido Litoral-Capital @RdGauchahá 50 segundosRetweet
  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraRT @EPTC_POA: 7h10 - Colisão entre carro e moto na João de O. Remião, próx. Bento Gonçalves. Dois feridos. EPTC no local. http://t.co/XsCI8…há 2 minutosRetweet
clicRBS
Nova busca - outros