Versão mobile

No Centro22/02/2014 | 14h54

Prédio atingido por incêndio na quinta segue interditado, em Caxias do Sul

Engenheiros devem analisar tecnicamente o edifício no início da próxima semana

Enviar para um amigo
Prédio atingido por incêndio na quinta segue interditado, em Caxias do Sul 1/Agencia RBS
Chamas atingiram lojas no térreo Foto: 1 / Agencia RBS

Os moradores do Edifício Real, no Centro de Caxias do Sul, seguem sem acesso ao condomínio neste final de semana. Um incêndio atingiu lojas no térreo e subsolo do prédio na última quinta-feira.

Na tarde de sexta-feira, peritos estiveram na área queimada para investigar as causas do fogo. Eles devem emitir um laudo à Polícia Civil, em até 60 dias. O prédio localizado na esquina das ruas Pinheiro Machado e Marquês do Herval foi interditado na tarde de quinta-feira pelo Corpo de Bombeiros. O temor da corporação está relacionado a possíveis acidentes ou desabamentos. As famílias só puderam retirar roupas e pequenos objetos.



>> Blog Memória: Real Hotel, um clássico do Centro

Segundo o subsíndico do Real, Nelir Schiochet, a entrada de engenheiros já foi autorizada pelo Corpo de Bombeiros. Na noite de sexta, proprietários e locatários de imóveis estiveram reunidos e montaram uma equipe de trabalho para selecionar um engenheiro civil e outro, elétrico.

No início da próxima semana, os profissionais devem vistoriar a área para emitir um parecer, que será entregue aos bombeiros. Ninguém se feriu no incêndio. Muita gente recorreu a familiares ou amigos para passar as últimas noites. Imobiliárias também levaram alguns locatários para outras moradias. Em princípio, ninguém estaria desamparado, segundo Schiochet.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesCadastramento de moradores da região do Beira-Rio será definido pela prefeitura na próxima semana http://t.co/qziSWJAUJ9há 18 minutosRetweet
  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraCadastramento de moradores da região do Beira-Rio será definido pela prefeitura na próxima semana: http://t.co/AbRZdqY1tphá 1 horaRetweet
clicRBS
Nova busca - outros