Versão mobile

29/11/2010 | 16h27

Sabor x calorias: saiba as diferenças entre o açúcar light e o adoçante

Açúcar light adoça duas vezes mais do que o açúcar comum, com menos calorias

Enviar para um amigo
Sabor x calorias: saiba as diferenças entre o açúcar light e o adoçante  Stock Photos, Divulgação/
Açúcar magro, é uma mistura do açúcar comum (sacarose) com adoçante (edulcorante), e adoça duas vezes mais do que o açúcar normal. Foto: Stock Photos, Divulgação

Muitas pessoas querem cortar as calorias do açúcar mas não conseguem se adaptar ao gosto dos adoçantes. Nesses casos, o açúcar light pode ser uma boa opção. Segundo a nutricionista Ana Carolina Bragança, o produto, também chamado de açúcar magro, é uma mistura do açúcar comum (sacarose) com adoçante (edulcorante), e adoça duas vezes mais do que o açúcar normal.

Nessa mistura, Ana explica que de 50 a 70% da quantidade total é açúcar. O poder de adoçar mais é resultado da união deste percentual com o adoçante.

— Com isso a pessoa usa a metade do produto para adoçar, economizando até 70% de calorias — afirma a nutricionista.

Porém, ela alerta que é preciso diminuir a quantidade para ter o resultado:

— Se antes eram usadas duas colheres de açúcar, será necessário apenas uma, ou meia.

Ana também lembra que as vantagens do uso do açúcar light aparecem apenas para as pessoas que usavam açúcar comum antes. Quem usa adoçante vai aumentar o consumo de calorias caso opte pela versão magra, pois o adoçante não contém calorias. O açúcar light também não é recomendado a pessoas com diabetes.

Vantagens do açúcar light:

1- Sabor: o sabor é bem parecido com o do açúcar comum, não deixa sabor residual comum de adoçantes em geral. É bom para pessoas que não se acostumam com o sabor dos adoçantes em geral.

2- Economiza até 70% de calorias ingeridas se usado substituindo o açúcar comum.

3- Pode ser usado para cozinhar alimentos, pois se mantêm estável a altas temperaturas.

Desvantagens do açúcar light:

1- Contém calorias (diferente dos adoçantes): Se consumido em excesso não auxilia na perda de peso, pois não apresenta a mesma redução de calorias (total).

2- Não deve ser usado por diabéticos, pois possui açúcar comum (sacarose) na sua formulação, aumentando níveis de glicemia desses pacientes.

SAIBA MAIS

No mercado, existem diversos adoçantes feitos a partir de diferentes substâncias:

Stevia:

É natural, sem calorias, os adoçantes feitos a partir da planta stevia adoçam até 300 vezes mais do que a sacarose que é o nosso açúcar comum. Além disso, ele é termoestável, ou seja, pode ser levado ao forno e ao fogão, pois não perde a propriedade adoçante quando aquecido. Os produtos que contêm a substância têm a propriedade de realçar o sabor dos alimentos.

Frutose:

Encontrada em frutas, cereais, vegetais e mel, a frutose é natural e mais doce que o açúcar comum. No entanto, se consumida em excesso pode causar o acúmulo de gorduras no tecido adiposo. A maior parte da frutose vendida no Brasil é importada e, por isso, tem preço mais elevado do que os demais adoçantes.

Aspartame:

Contém apenas quatro calorias por grama, adoça até 200 vezes mais do que o açúcar comum e é bastante utilizado em bebidas. No entanto, existe uma grande divergência a respeito dos danos que ele pode provocar à saúde, mas os estudos científicos ainda não são conclusivos. Se aquecido, o produto perde a capacidade de adoçar, além de se transformar em metanol, que é toxico.

Ciclamato de Sódio:

É um composto químico usado como adoçante artificial, 30 vezes mais doce do que a sacarose. É mais estável do que o aspartame e a sacarina, por isso, pode ser aquecido em altas temperaturas. Foi retirado da lista de substâncias seguras do FDA (Food and Drug Administration, dos EUA) em 1969, portanto não é permitido seu uso como alimento. No Japão, também foi banida no mesmo ano depois da publicação de estudos que confirmaram que o ciclamato de sódio não é inteiramente eliminado pelo organismo.

Sacarina:

É uma substância artificial produzida através de um composto derivado do petróleo. É um dos adoçantes não-calóricos mais antigos do mercado e é indicada para pessoas que têm restrição de consumo de sacarose. Adoça 300 vezes mais do que o açúcar, mas deixa gosto amargo na boca.

Sucralose:

É o único adoçante produzido a partir do açúcar. No entanto é artificial, pois passa por um processo de substituição de três grupos hidrogênio-oxigênio na molécula de açúcar por três átomos de cloro. É cerca de 600 vezes mais doce que o açúcar e tem até quatro calorias por grama.

Fonte: diretora de Pesquisa e Desenvolvimento da Steviafarma Industrial, Helena Meneguetti Hizo

Confira o infográfico especial sobre o açúcar:


Comentar esta matéria Comentários (2)

Juliana

GISELLE se for ver a quantidade e as calorias sim são a mesma porém dependendo do açúcar light ele tem um poder de adoçar ate 300 vezes mais que o açúcar normal com isso você usa menos e consequentemente utiliza menos calorias. entendeu.

19/01/2014 | 02h54 Denunciar

Giselle

Só pra esclarecer: No quadro interativo no final da matéria está que o açúcar ligth contém 20kcal em 1 col. de chá, igual ao do açúcar granulado comum. Quem passar batido vai pensar que tem menos calorias... como diz no texto acima. Onde está o erro?

08/05/2013 | 21h07 Denunciar

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraCaso Bernardo: família vai pedir desarquivamento de caso da morte da mãe do menino http://t.co/o00QyverfAhá 2 horas Retweet
  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesGrêmio em desvantagem na Copa do Brasil Sub-17 http://t.co/U9mEUPBw3V #Pratas da Duplahá 3 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros