Versão mobile

03/06/2009 | 20h47Atualizada em 03/06/2009 | 22h58

Funcionários da Trensurb vão continuar em greve

Reunião não terminou em acordo e trens seguirão operando só em horários de pico

Enviar para um amigo
Funcionários da Trensurb vão continuar em greve  Ronaldo Bernardi/
Desembarque na Estação Mercado estava lotado nesta quarta-feira Foto: Ronaldo Bernardi
Depois de mais de três horas, a reunião de mediação realizada nesta quarta-feira no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) não conseguiu dar fim à paralisação da Trensurb, iniciada na terça-feira. O encontro, mediado pelo vice-presidente do TRT, desembargador Carlos Alberto Robinson, avançou para definir pelo menos um caminho para o fim do impasse.

Uma das principais reivindicações do metroviários, a redução de dois para um ano o tempo de vigência do reajuste salarial de 10,5%, dificilmente deverá ser alcançada, apesar da pressão dos funcionários, que também exigem um aumento de 12,5%. O Ministério do Planejamento impede que as empresas públicas acertem aumentos salariais por menos de 24 meses.

Em contrapartida, o TRT propôs a elaboração de um abono para compensar as perdas dos trabalhadores. Além disso, foi discutida a possibilidade de uma indenização para o pagamento de adicionais noturnos atrasados de parte dos funcionários. Essas duas alternativas, no entanto, precisam de autorização do Ministério do Planejamento.

A empresa encaminhará os pedidos à Brasília e, se forem aprovados, elaborará uma nova proposta, que será levada para o Sindicato dos Metroviários do Estado (Sindimetrô). Uma nova assembléia deverá ser convocada na próxima semana para avaliar as medidas.

Com a manutenção da greve, os trens permanecem funcionando somente nos horários de pico.

Ônibus

Existem paradas dos ônibus comuns próximas a todas as estações do trensurb. Em Porto Alegre, o terminal fica embaixo do Viaduto da Conceição, no Centro. De todas as empresas — Real Rodovias, que liga Sapucaia do Sul e Esteio a Porto Alegre, Central, que liga Novo Hamburgo e São Leopoldo, e Vicasa, que liga Canoas.

Fiscais da Metroplan acompanham a movimentação. A cada dois coletivos que saem do terminal, um extra é incluído. Os horários, no entanto, não são fixos e variam de acordo com o movimento. (Confira linhas e itinerários)

Durante a greve, o serviço de transporte funcionará da seguinte forma:

— De segunda a sexta-feira, das 5h30min às 8h30min e das 17h30min às 20h30min

— Aos sábados, das 6h às 13h

— Fora desses horários combinados, não haverá serviço

— A cada dois coletivos que saem do Terminal Conceição, no centro da Capital, um extra é incluído. Os horários não são fixos e variarão de acordo com o movimento

— A EPTC reforçou o atendimento na Zona Norte. Desde as 5h, são oferecidos 10 ônibus da Carris e 10 do Conorte, com saída da Estação Aeroporto até o centro da Capital.

— Dúvidas podem ser tiradas por meio do serviço atendimento ao cliente da Metroplan (0800-5104774) ou com a fiscalização da entidade no Terminal Conceição.

Prejuízos para o passageiro:

— Com a greve, quem saiu perdendo foi o usuário diário do metrô. Enquanto a tarifa única do trensurb custa R$ 1,70, o valor mais baixo do ônibus de Canoas até Porto Alegre é R$ 2,65, por exemplo. Os passageiros que utilizam o integração (tíquete e passagem de ônibus) até a Capital também tiveram de desembolsar mais para usar os ônibus.

Notícias Relacionadas

02/06/2009 | 19h

Movimento é intenso nas estações da Trensurb

Metrôs só circularam das 5h30min às 8h30min e das 17h30min às 20h30min

02/06/2009 | 12h34

Greve deixa usuários do trensurb desorientados

Muitos passageiros não sabiam onde pegar os ônibus com destino a Porto Alegre

02/06/2009 | 08h28

Greve na Trensurb deve aumentar fluxo de veículos na BR-116

Trens param de funcionar às 8h30min e só retornam às 17h30min

02/06/2009 | 06h16

Greve: trens param depois das 8h30min

Empresas de ônibus reforçam frotas que ligam Capital à Região Metropolitana

02/06/2009 | 03h47

Paralisação no trensurb pode afetar 170 mil

A partir de hoje, o serviço funcionará em horários pré-definidos

01/06/2009 | 18h07

Metroviários decidem paralisar atividades

Trensurb terá horários restritos a partir desta terça-feira

Comentar esta matéria Comentários (13)

daiane pereira

Senhor marcelo, acredito que o TRT está aí pra isso, viabilizar suas negociações, levando em conta que tudo passa pelo ministério do planejamento,acho justo que suas reivindicações sejam atendidas,mas até quando vai ser assim? que o poder publico é negligente com servidores já se sabe não é ontem, mas sempre quem paga o pato é a população que depende desses serviços,em 5 minutos que o trem parou ontem já foi suficiente pra acontecer um tumulto na estação mercado,e fazer o q dependemos disso.

05/06/2009 | 13h58 Denunciar

Tony Moretti

O Giovani de Canoas é um completo idiota. Pede privatização, mas os onibus são privatizados e olha as reclamações aí embaixo. Adianta privatização se a passagem é mais cara e os veículos umas latas-velhas ?

05/06/2009 | 11h23 Denunciar

Marcelo Sada

Srta Daiane pereira não sei se sabe mas é POR NÃO HAVER vontade para NEGOCIAÇÃO por parte da empresa é que a greve continua. A greve até agora é para não PERDER MAIS e é muito natural que Ninguém aceite QUIETO algo que seja prejudicial à sua sobrevivência. Uma boa administração NÃO provocaria uma GREVE. Ninguém faz greve por gostar! Informe se.Questione. Pondere.Então decida de quem é a FALTA DE SENSO.

04/06/2009 | 19h14 Denunciar

Benhur

Todos tem os governantes que elegeram, inclusive os metroviários quando fizeram campanha pro PT. A privatização gera sucateamento e tarifas mais caras, isto é que pregam, veja os exemplos do ônibus que todos reclamam agora. Se aTRENSURB tem dinheiro para pagar por anuncios em futebol e comerciais em horário de pico porque não alorizar seus empregados, e a respeito disto os diretores tem salários maravilhosos, já que tiveram aumento de qase 50% desde que assumiram a gestão na empresa.

04/06/2009 | 17h41 Denunciar

Marcelo Sada

Sr Giovani se a Trensurb pagasse no mesmo nível do mercado de trabalho talvez não estivessemos de greve ou haveriam tantas desistências de quem viu oportunidade melhor para ESTÁGIO ou emprego Estável.Se os empregados fixos estão mal, os ESTAGIÁRIOS estão pior.

04/06/2009 | 15h37 Denunciar

daiane pereira

O sindicato dos metroviários deveria ser mais corente com os usuários do trem, visto que o impasse requer mais tempo para se resolver, isso acaba afetando diretamente a população que necessita dos horarios que estão fora de pico, visto que o fincionamento integral do trem é de extrema importância para trabalhadores e estudantes todos os dias.Todos tem direito de reivindicar melhorias, mas acima de tudo ter o bom senso nas negociações.

04/06/2009 | 08h38 Denunciar

Giovani

Para melhorar é necessário privatizar!

04/06/2009 | 07h14 Denunciar

Luciana

Que falta de respeito com os usuários do trem, e que mentira um onibus a mais nos horarios, que nada continua o central sem hora p passar e lodato.Até quando heim?

04/06/2009 | 00h41 Denunciar

João Almeida

Ridiculo quem paga de otario é a populaçao cambada de vagabundos.

04/06/2009 | 00h39 Denunciar

Roberto

Antes de criticar os metroviarios, se ponham no lugar deles. Se vcs fossem funcionarios publicos, tambem fariam greve quando necessario. Apoio a greve dos metroviarios, pois a greve é o unico jeito de conseguirem seus direitos.

04/06/2009 | 00h19 Denunciar

Joaquim Machado

Sobre o comentário do sr. Denis. O Sr. acha que é birra contra a direção mas o Sr. sabe que os dirigentes do Sindimetro são do mesmo partido dos diretores? Um funcionário de nivel superior com 25 anos de serviço ganhar 2 salários minimos o Sr. acha que é birra? Procure atualizar-se amigo. E para a Sra. Simone, informo, se ela nao sabe, que os salários dos metroviários não saem da receita das estações e portanto não tem nada a ver aumento de salário com tarifa.

04/06/2009 | 00h13 Denunciar

Simone

Acho uma falta de respeito com a população essa greve pois os únicos prejudicados somos nós, quem vai pagar a diferença que estamos gastando com o onibus?? A trensurb? E se eles receberem o aumento vai sair do nosso bolso pois vai acabar subindo a passagem com certeza!!! Cada os governantes nesta hora?? O Lula e a Sra Yeda só viajando e as nossas custas ainda.....

03/06/2009 | 22h05 Denunciar

Denis

Má vontade dos metroviarios, tá cheirando birra com a gestão atual, quem paga o pato?? Nós, contribuinte dos impostos mais caros do mundo! Brasil, País da piada pronta!

03/06/2009 | 21h57 Denunciar

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraRT @_PauloRocha: 6h55 #RS040 Engarrafada a partir da parada 37. Motoristas levam 20 min até a Lomba do Sabão #GauchaTransito http://t.co/D4…há 15 minutosRetweet
  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraRT @_PauloRocha: #CaminhoDoMeio Motoristas enfrentam 2,5 km de congestionamento. Saída pela Sta. Isabel também trancada #GauchaTransitohá 15 minutosRetweet
clicRBS
Nova busca - outros