Versão mobile

Você concorda com o uso da palmada na educação dos filhos?

Enviar mensagem
  • Oscar Feldmann 

    A palma educativa não tem nada a ver com primitivismo(como diz o sr José Silveira). Concordo plenamente com ela, porque se faz necessária na educação das crianças. Se ela fizesse o mal, como dizem alguns pseudo-educadores, os da minha geração e dos meus filhos, estariam todos internados em clinicas psiquiátricas. Não devemos confundir a palmada educativa com espancamento, que isto fique bem explicado para uns e outros!

    Caçapava do Sul - MS - Brasil25/06/2012 | 20:18
  • Eloisa Menezes Pereira 

    A palmada é necessária quando o diálogo é uma máscara. A cultura foi transformada pela psicologia...Os jovens fazem parte de uma lenda onde o diálogo esculpe o limite,respeito e consciência.

    PORTO ALEGRE - RS - Brasil12/06/2012 | 21:11
  • J F Prolo 

    Depende. Se for numa situação em que seja necessário a imposição de limites, ou de autoridade, e não haja tempo (situação de emergência), ou capacidade de compreensão suficiente da criança (situação de perigo, etc.), ou seja, sem outra alternativa, é justificável o uso da palmada. Palmada de pai/mãe, não de feitor, em criança acostumada a receber carinho, não se constituirá em sequela de nenhuma ordem.

    Porto Alegre - RS - Brasil11/06/2012 | 13:43
  • Neila Silva 

    Não eu não concordo,porque tem palmadas que só machucam as crianças,eu sou mais de colocar de castigo e não deixar fazer o que gosta.

    Sapucaia do Sul - RS - Brasil10/06/2012 | 22:47
  • Cláudio Fortes Carpes, Comissário de Polícia, aposentado. - 

    Quando o castigo for no intuito de raciocínio,uma palmada não dói! Castigo pior são as mulheres, "sem nexo", ficam grávidas, depois acabam matando o companheiro, ou matam o filho!

    Nova Prata - RS - Brasil10/06/2012 | 12:38
  • Eric Formagio 

    Eu sou totalmente a favor. Não confundão com espancar, mas uma palmada, quando merecida pode ser dada. Eu apanhei quando criança, meus primos, parentes e amigos, todos que regulam de idade comigo apanharam e hoje estão ai, todos bem educados, trabalhando, estudando, uns casados, outros com filhos. Por outro lado, os que foram criados na "Geração conversa" estão na cadeia, sem empregos ou se drogando. Por este motivo sou totalmente a favor e meu filho será criado do mesmo método que eu fui.

    Porto Alegre - RS - Brasil08/06/2012 | 10:57
  • José Silveira 

    A palmada é um primitivismo, um meio de os pais ou responsáveis suprirem a falta de modo melhor de educar os filhos. Vem dos tempos dos castigos físicos adotados oficialmente na escravidão, no disciplinamento militar e no cumprimento de penas. A palmada acidental no dia a dia da relação familiar pode não significar nada disso, daí o perigo de querer legislar sobre o assunto e, com isso, chamar atenção para a violência residual, decadente e insustentável, acusando antes de identificar. De um passado de opressões passamos a um tempo de liberalidades e agora as queixas que mais se ouvem são contra a perda dos limites na educação infanto-juvenil. Mau momento para acirrar animosidades na relação familiar e com isso contribuir, ainda que de leve, para com o desgaste do respeito e da precedência natural que os pais precisam contar para reavivar os ditos limites.

    Brasília - DF - Brasil08/06/2012 | 01:28

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesArena oferece descontos de até 50% para Grêmio x San Lorenzo http://t.co/dq7AAT4K76há 10 minutosRetweet
  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesMusa do UFC, Ronda Rousey fará pontinha em jogo de beisebol nos Estados Unidos --> http://t.co/yYpgbTGbPR (via @PrimeTimeZH)há 43 minutosRetweet
clicRBS
Nova busca - outros