Acidente fatal21/02/2014 | 04h29

Queda de helicóptero da presidência mata três militares no Equador

Quarto tripulante foi encontrado ferido, mas consciente

Enviar para um amigo

Um helicóptero militar que serve ao presidente do Equador, Rafael Correa, caiu nesta quinta-feira no sul do país matando três de seus quatro tripulantes, anunciou o próprio líder equatoriano.

— É um acidente que enluta a pátria. Oxalá isto não leve a elucubrações. Há que investigar. Não viajava no helicóptero, não tinha nem o mais remoto plano de ocupar a aeronave— destacou Correa.

O aparelho Dhruv, de fabricação indiana, seguia de Guayaquil para Quito quando caiu na zona de Huigra, na província andina de Chimborazo, por causas ainda desconhecidas, revelou o coronel Galo Venegas, porta-voz da Força Aérea Equatoriana (FAE).

Segundo Correa, entre os mortos no acidente está um dos pilotos da presidência.

A ministra da Defesa, Maria Fernanda Espinosa, informou que o acidente matou um capitão, um tenente e um sargento. O quarto tripulante foi encontrado ferido mas consciente.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraVeículo derruba grade e invade pátio de igreja na Capital. http://t.co/fri14oBL0thá 26 minutosRetweet
  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraJá viram a charge do esporte? http://t.co/c8KCvG5o4nhá 2 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros