Homenagem multirracial10/12/2013 | 11h00

Local de partida de ferryboats para ilha-prisão vira ponto de culto

Conhecido como Passagem Nelson Mandela, lugar atrai visitantes

Enviar para um amigo
Local de partida de ferryboats para ilha-prisão vira ponto de culto RODGER BOSCH/AFP
Pessoas esperam ferryboat na Passagem Nelson Mandela Foto: RODGER BOSCH / AFP

Ex-guardas e companheiros de prisão de Nelson Mandela prestaram uma homenagem ao líder da luta contra o apatheid nesta terça-feira na Cidade do Cabo, diante da ilha-prisão de Robben Island, onde ele passou 18 dos 27 anos em que esteve preso.

>> Assista ao vivo à cerimônia de adeus a Mandela no estádio Soccer City:

Uma única vela foi acesa ante os retratos de Madiba no pequeno auditório batizado de Passagem Nelson Mandela, que é, ao mesmo tempo, um museu e ponto de onde partem os barcos para a ilha, no turístico bairro de Waterfront, na Cidade do Cabo.

O ex-guarda Christo Brand, que, com o passar dos anos, virou amigo do ilustre prisioneiro, disse ante cerca de 200 pessoas que Mandela não mudou sua maneira de ser quando virou presidente.

– Sei que morreu em paz e é por isso que lutou – afirmou.

Lionel David, que esteve preso em Robben Island, afirmou, por sua vez que "nosso dever como sul-africanos é manter vivo seu legado, e agora romper as barreiras que continuam nos separando".

Para Lorraine Steenkamp, que chegou de Venda, um antigo bantustão (nome das regiões criadas pelo apartheid para a população negra), ir a Robben Island é a melhor maneira de recordar Mandela.

– Se Nelson Mandela não tivesse combatido por nossa liberdade, eu não poderia ter me casado com meu marido nem ter filhos lindos – afirmou, referindo-se às leis do apartheid, que proibiam as relações entre raças diferentes.

Ela é negra, e ele, afrikaner, a comunidade descendentes dos primeiros colonos europeus que fala um idioma que provém do holandês e que instaurou o regime de segregação racial do apartheid.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga os perfis de ZH no Twitter

  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraRT @Trensurb Trens circulando normalmente nesta quinta-feira.há 34 minutosRetweet
  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraRT @_PauloRocha 7h05 #RS040 Trânsito na parada 36. São cerca de 20 min até chegar à Lomba do Sabāo #gauchatransito http://t.co/Yw55piX2qghá 49 minutosRetweet
clicRBS
Nova busca - outros