Norte do Estado21/02/2013 | 19h41

Ataques a animais em Pontão geram suspeita da presença de onça parda

População está amedrontada com as ocorrências em propriedades rurais

Enviar para um amigo
O aparecimento de animais mortos de forma estranha em Pontão, no norte do Estado, intriga e amedronta a população. A suspeita é que uma onça parda ou um leão baio esteja rondando as criações.

O agricultor Sidinei Molsato ficou espantado ao encontrar uma vaca morta em sua propriedade. O fato aconteceu há cerca de um mês. Com parte da barriga dilacerada e marcas de garras sobre o pescoço, a novilha com cerca de 300 quilos parecia ter sido atacado por cima. Três cães da propriedade, localizada na comunidade Pinheirinhos, também tiveram o mesmo destino.

Outro ataque foi registrado pelo vizinho do agricultor, há cerca de 20 dias. A carcaça da novilha ainda permanece abandonada próxima à mata.

Avisados do caso, policiais do Batalhão Ambiental de Passo Fundo visitaram propriedades onde há relatos de ataques a vacas, terneiros e cães.

- A gente tem medo, eu não saio mais de noite de casa, conta a agricultora Mara Bastos, que teve três cães atacados.

Até agora, ninguém viu o predador, que parece locomover-se somente durante a noite, mas a suspeita é que um felino como uma onça parda, ou leão baio, esteja rondando as propriedades. Os policiais orientam a população a manter os animais trancados e mais próximos à casa durante a noite. 

O Ibama ainda não foi comunicado sobre os ataques que vem ocorrendo em Pontão. Vários outros registros tem sido feitos em municípios da região norte do Estado. Com o desmatamento, predadores silvestres acabam deixando o seu habitat em busca de alimento.

Notícias Relacionadas

Mistério no norte do RS 15/11/2011 | 13h21

Ataques a rebanhos levantam suspeita da existência de leão-baio em Floriano Peixoto

Amedrontados, moradores da zona rural do município evitam sair de casa depois do anoitecer

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga perfis de ZH no Twitter

  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraEditorial diz que motorista não tem o direito de escolher a velocidade excessiva. Você concorda? http://t.co/r52vTuTne5há 4 minutosRetweet
  • transitozh

    transitozh

    Trânsito Zero HoraEm cinco horas de fiscalização, PRF multou 700 veículos na BR-386há 10 minutosRetweet
clicRBS
Nova busca - outros