Trens parados21/05/2012 | 09h17

Procuradora do Trabalho confirma multa a metroviários por descumprimento de decisão judicial

Valor da multa aos metroviários será de R$ 70 mil por horário de pico

Enviar para um amigo
Procuradora do Trabalho confirma multa a metroviários por descumprimento de decisão judicial  Ronaldo Bernardi/Agência RBS
Paradas de ônibus ficaram lotadas nesta manhã devido à paralisação dos trens Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS
A procuradora regional do Trabalho, Beatriz Junqueira Fialho, confirmou nesta manhã ao programa Gaúcha Atualidade a aplicação de multa ao Sindicato dos Trabalhadores em Empresa de Transporte Metroviários e Conexas do Rio Grande do Sul (Sindimetrô-RS), que paralisaram as operações do trensurb nesta segunda-feira.

O valor da multa aos metroviários será de R$ 70 mil por horário de pico (das 5h30min às 8h30min e das 17h30min às 20h30min). No primeiro horário de pico do dia, os trens não funcionaram.

A previsão é que a greve se encerre à meia-noite, o que faria a multa chegar a R$ 140 mil.

— Nós lamentamos que não esteja sendo cumprida a decisão judicial — disse a procuradora.

Os oficiais de justiça não teriam conseguido localizar os diretores do sindicato para entregar a notificação da multa. De acordo com o secretário-geral do Sindimetrô-RS, Clóvis Pinheiro, a entidade está ciente da cobrança e irá arcar com ela.

Ouça a entrevista na íntegra:



Acompanhe a situação ao vivo:



Reivindicações:

Além do reajuste salarial de 21,5%, os metroviários criticam o serviço prestado por empresas terceirizadas responsáveis pela manutenção, como conservação dos trilhos.

— A sociedade merece um transporte de qualidade, os passageiros estão correndo risco de vida quando entram no trem. A categoria fica triste de ter que desencadear uma paralisação, mas nós temos essa responsabilidade com a segurança dos usuários. A paralisação é total, 100%, pedimos desculpas aos usuários que terão que buscar medidas alternativas — afirma Pinheiro.

Comentar esta matéria Comentários (13)

claudiomiro da silva

Sinceramente!21,5%? Quem pagaria essa conta? o povo que mal recebe a reposiçao da inflaçao em seus salarios!!Espero que paguem a merecida multa!!é uma vergonha termos no serviço publico pessoas que só pensam no seu bolso e esquecem da populaçao que os paga!

22/05/2012 | 00h09 Denunciar

Regina

A greve é uma palhaçada! 21% de reajuste? Se fosse empresa privada já teriam sido dimitidos! O reajuste normal de todo funcionário ocorre 1 vez por ano, qual empresa privada faz reajuste de 21%? Se alguem conhece me avisa!

21/05/2012 | 15h29 Denunciar

Guilherme

TEM QUE MELHORAR A QUALIDADE DOS TRENS! QUEM ANDA SABE! SARDINHA ENLATADA DE PORTO ALEGRE A SÃO LEOPOLDO!

21/05/2012 | 15h08 Denunciar

Murilo

Espero que não culpem os trabalhadores pela greve, mas os empregadores. Estes é que devem ser responsabilizados pelos prejuízos aos usuários do serviço.

21/05/2012 | 15h00 Denunciar

Murilo

Creio que a forma mais inteligente de protestar seria deixar os usuários embarcarem sem pasgar passagem. Isso sim prejudicaria os patrões.

21/05/2012 | 14h58 Denunciar

Otto Wehr

Quem nomeia a direção do Trensurb? Precisa trocar toda a diretoria (que atualmente devem ser companheiros políticos) e colocar gente com competência para negociar e evitar uma greve dessas que atrapalha milhares de pessoas.

21/05/2012 | 12h51 Denunciar

Gilmar l Poncio

Acredito que todos tem direito de reclamar por melhores condições de trabalho, melhores sálarios e por ai vai, mas deixar todo mundo na mão ai meu filho é dose eu levei 3 horas para chegar ao trabalho ainda bem que meu chefe entendeu e se ele quisesse me punir por exermplo quem ia me pagar?

21/05/2012 | 11h52 Denunciar

RODRIGO

A Procuradoria é uma aliada desse governantes que ao invés de cumprirem os acordos com a classe vão testando os trabalhadores até realizarem a greve. A mídia tem sua contribuição, pois tenta mostrar que a culpa é dos trabalhadores grevistas ao invés de culpar esse políticos .

21/05/2012 | 11h52 Denunciar

Elton Ferreira

Qual a vantagem de multar o METRO, a população fica sem o serviço, para onde vai este recurso da multa e de onde sai este recurso para pagar a multa?

21/05/2012 | 10h55 Denunciar

Paulo

E algum sindicalista preocupado, sobretudo com a multa ????? A Dilma paga.....

21/05/2012 | 10h49 Denunciar

andresteio

Que caos! 2h e 20min de onibus, de Esteio a Porto Alegre.

21/05/2012 | 10h13 Denunciar

Carlos Guilherme

É uma vergonha. Nesse País da impunidade tudo pode. Até as pedras da rua sabem que o Sindicato jamais vai pagar essa multa.

21/05/2012 | 10h12 Denunciar

Camila

A sociedade só vai apoiar greves quando os grevistas deixarem de prejudicar justamente quem? A sociedade. Liberem as catracas durante um dia inteiro, ao invés de deixarem milhões de pessoas sem transporte. Prejudiquem o poder público, não o trabalhador.

21/05/2012 | 09h56 Denunciar

Siga perfis de ZH no Twitter

  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraVeículo derruba grade e invade pátio de igreja na Capital. http://t.co/fri14oBL0thá 2 horas Retweet
  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraJá viram a charge do esporte? http://t.co/c8KCvG5o4nhá 3 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros