Judiciário laico07/03/2012 | 05h59

"O Estado tem o compromisso de ser neutro", defende sociólogo sobre fim dos crucifixos no Judiciário

Professor Inácio José Spohr cita importância do respeito à diversidade de religiões existentes no Brasil

Enviar para um amigo

Dentro de alguns dias, todos os crucifixos existentes em prédios do Poder Judiciário gaúcho serão retirados. A decisão do Conselho da Magistratura do Tribunal de Justiça (TJ) é consequência de um pedido da Liga Brasileira de Lésbicas (LBL) e outras entidades, como os grupos de defesa dos direitos dos homossexuais Somos e Nuances e a entidade feminista Themis.

Unânime, a decisão foi tomada na terça-feira por cinco desembargadores. Foi uma medida administrativa que, em tese, ainda pode ser revista. Mas o TJ vai acatar o que decidiu o Conselho.

Você concorda com a decisão do TJ-RS?

Posição contrária: "Para quem faz mal um crucifixo?", questiona padre 

Coordenador do Programa Gestando o Diálogo Inter-Religioso e o Ecumenismo (Gdirec) da Unisinos, o professor Inácio José Spohr, mesmo sendo católico jesuíta, defende a decisão do TJ. Para ele, é importante que seja respeitada a diversidade de religiões existentes no país. Confira trechos da entrevista concedida, por telefone, a ZH:

ZH — Como o senhor avalia a decisão do TJ?

Inácio José Spohr —
Em princípio estou de acordo com a decisão do Tribunal. O crucifixo que está ali, ao meu ver, está por tradição, não é porque define sentenças ou influi na forma do Judiciário trabalhar. A ideia de Justiça em geral tem forte embasamento na nossa cultura bíblica. Apenas acho que o método de fazer é um pouco drástico de uma hora para outra, atendendo um grupo de pessoas que pediram isso.

ZH — O senhor considera que seja uma forma de afastar a população da religiosidade?

Spohr —
Creio que não, não é esta a ideia que me passa. De fato o crucifixo contempla as religiões cristãs e o Brasil evidentemente está se tornando um país multirreligioso.

ZH — Então esta decisão seria uma abertura para respeitar as outras religiões?

Spohr —
O tema é mesmo a laicidade do Estado, ele tem a obrigação, o compromisso de ser neutro, por isso acho que não é algo antirreligioso.

ZH — O pedido foi feito por entidades ligadas a defesa de gays e lésbicas que não são aceitos pela igreja católica, por exemplo. Eles consideram uma resposta à Igreja.

Spohr —
Oficialmente considero a medida legal dentro daquilo que o Estado pode e deve fazer, ao meu ver não é uma resposta contra as religiões.

Comentar esta matéria Comentários (5)

Roberto

"A ideia de Justiça em geral tem forte embasamento na nossa cultura bíblica" Deve ser por isso a nossa justiça é um lixo, um livro que prega barbaridades como 'olho por olho e dente por dente' já deveria ter sido execrado da cultura humana já séculos ..

07/03/2012 | 10h46 Denunciar

Antônio Maria

A partir de agora os sapatões estão moralmente obrigados a trabalhar nos feriados religiosos .

07/03/2012 | 09h57 Denunciar

pedro rogério villar barreto

concordo plenamente com o sociológo. O Estado deve manter-se neutro e acolher todas as religiões. A cruz ou qualquer religioso existente nas repartições públicas é não respeitar o estado laico de direito.

07/03/2012 | 09h25 Denunciar

Claudiomiro

Professor Inácio, como Teólogo leigo católico discordo de Vossa opinião. Se herdamos esta cultura de uma estrutura judiciária, agora estaria equivocada. Imagino ser a opinião de todas igrejas cristãs do país. Estagnante é saber de onde acataram a idéia.Repudiante...

07/03/2012 | 08h32 Denunciar

GRAZIELA

Só tenho uma pergunta: Se o estado é laico, ele vai continuar a fazer feriados católicos no setor público doravante ? Será uma tremenda atitude antagonica.

07/03/2012 | 08h21 Denunciar

Siga perfis de ZH no Twitter

  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraRT @zh_esportes: Marcelo Grohe vira baixa de última hora no Grêmio e é dúvida para Libertadores http://t.co/7sbGTWFIAVhá 23 minutosRetweet
  • zerohora

    zerohora

    Zero HoraRT @zh_esportes: Gol do Atlético-PR. Drausio abre o placar: Atlético-PR 1x0 Grêmio. Siga em tempo real pelo zhEsportes http://t.co/3wwOsa5v…há 1 horaRetweet
clicRBS
Nova busca - outros