Investigação19/02/2014 | 10h10Atualizada em 19/02/2014 | 10h51

Procuradoria pede indiciamento do Barcelona por crime fiscal na contratação de Neymar

Clube será investigado por possíveis irregularidades na compra do brasileiro

Enviar para um amigo
Procuradoria pede indiciamento do Barcelona por crime fiscal na contratação de Neymar Josep Lago/AFP
Foto: Josep Lago / AFP

A procuradoria da Audiência Nacional, principal instância penal espanhola, pediu o indiciamento do Barcelona por crime fiscal na contratação de Neymar, informou uma fonte judicial.

— A procuradoria pede o indiciamento do Barça como pessoa jurídica por um delito contra a Fazenda publica cometido nos anos de 2011 e 2013 — destacou a fonte.

A procuradoria calcula a suposta fraude tributária em 9,1 milhões de euros, segundo a mesma fonte. A transferência do astro brasileiro de 22 anos do Santos provocou uma grande turbulência na Espanha depois que um sócio do Barça apresentou uma denúncia contra o presidente do clube por "apropriação indébita".

A aceitação da denúncia por um juiz da Audiência Nacional provocou a renúncia, em 23 de janeiro, do então presidente do Barcelona, Sandro Rosell.

Siga zhEsportes no Twitter

  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesBBB vermelho: Inter começa a testar sistema de reconhecimento facial de torcedores no Beira-Rio neste sábado http://t.co/bdzc9TNnMqhá 3 horas Retweet
  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesClássico Gre-Nal termina empatado pela Copa Nike http://t.co/XiqPxwfvtg #Pratas da Duplahá 5 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros