Decisão18/12/2013 | 19h51

Atlântico e ACBF fazem primeira partida da final do Estadual Série Ouro de Futsal nesta quinta

Equipes se enfrentarão pela quarta vez na decisão do campeonato de futsal

Enviar para um amigo
Atlântico e ACBF fazem primeira partida da final do Estadual Série Ouro de Futsal nesta quinta Riccardo Facchini / Jornal Contexto/Divulgação
Foto: Riccardo Facchini / Jornal Contexto / Divulgação

Pela quarta vez, Atlântico e ACBF decidirão o Estadual Série Ouro de Futsal. Campeã em 2008 e 2012, a equipe de Carlos Barbosa busca seu 10º título na competição. Vencedor em 2011, o clube de Erechim tenta o bi. O primeiro round da decisão é amanhã, a partir das 19h, com transmissão da TVCOM. O jogo de volta é sábado, na Serra.

Na quadra do Ginásio Poliesportivo do Atlântico, estarão seis jogadores que no começo do mês integraram o grupo da seleção brasileira que conquistou a Copa Intercontinental. Pelo time do norte do Estado, Grillo e Zico. Na ACBF, Rennan, Rodrigo, Jonathan e Daniel.

— Os jogos entre nós são sempre equilibrados, como na decisão do ano passado (cada time venceu uma, e a equipe de Carlos Barbosa ganhou na prorrogação) — comenta Cigano, técnico do Atlântico.

No último domingo, a equipe de Erechim conquistou a Superliga, o quarto título da temporada. Antes, havia conquistado o Torneio de Verão de Rio do Sul, a Taça Brasil e a Liga Sul.

— Mesmo com o time um pouco cansado, estamos muito motivados, vamos em busca do quinto título no ano. Das três competições da Confederação (Brasileira de Futsal), ganhamos duas, é um ano histórico para o clube — ressalta o treinador.

Para encerrar a temporada praticamente perfeita, o Atlântico quer o título do Estadual, que dá vaga na Taça Brasil de 2014. A derrota na decisão da Série Ouro de 2012 não é motivo para sentimento de vingança, garante Cigano.

— Esse lado de vingança atrapalha. A ACBF tem um plantel muito bom, respeitamos eles e eles devem nos respeitar.

Recuperando-se de lesão, o pivô Tininho é a única dúvida. O outro pivô, Keké, é um dos destaques da equipe.

— O Keké um pivô à moda antiga, jogador de área muito forte — diz o técnico, que trabalhou no Atlântico de 2007 a 2009, retornou em 2012 e já renovou contrato para 2014. — Sabemos das dificuldades, mas estamos muito confiantes e muito motivados — acrescenta.

Enquanto o time de Erechim disputava a Superliga, a ACBF se preparava para a decisão do Estadual. O recesso de quase três semanas tirou um pouco do ritmo de jogo da equipe serrana, mas serviu para intensificar os treinamentos e para recuperar os jogadores, tanto que todos estão à disposição.

— O Atlântico atravessa um bom momento, prevemos um jogo equilibrado — enfatiza Paulo Mussalem, técnico da ACBF.

Campeão da Série Ouro com a equipe de Carlos Barbosa em 2004 e 2009, o treinador salienta que a conquista do décimo título estadual seria uma marca histórica para o clube. Por isso, a partida de amanhã é classificada por ele como "um divisor de águas".

— É muito importante para sair bem do primeiro jogo.

Siga zhEsportes no Twitter

  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesCadastramento de moradores da região do Beira-Rio será definido pela prefeitura na próxima semana http://t.co/qziSWJAUJ9há 6 horas Retweet
  • zh_esportes

    zh_esportes

    zhEsportesUruguaio Roberto Silvera apitará jogo da volta entre Grêmio x San Lorenzo- http://t.co/gCNZyE52lJhá 8 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros