Falta de energia04/02/2014 | 16h12Atualizada em 04/02/2014 | 21h07

Apagão em três regiões do país afeta pelo menos 88 municípios do Rio Grande do Sul

Na maioria das cidades gaúchas, a interrupção no abastecimento foi parcial

Enviar para um amigo

Correção: Anteriormente, esta notícia informava que pelo menos 89 municípios gaúchos haviam sido afetados pelo corte no fornecimento de energia. Na varedade, pelo menos 88 cidades foram atingidas. O texto já foi corrigido.

Uma falha em uma linha de transmissão de energia elétrica que liga o Norte ao Sudeste e ao Sul causou falta de luz em diversas regiões do Brasil. No Rio Grande do Sul, as principais distribuidoras registraram problemas. Até o momento, foi detectado interrupção da distribuição em pelo menos 88 municípios. Na maioria dos cidades, a energia já foi reestebelecida.

Na área de cobertura da Rio Grande Energia (RGE) foram afetados parcialmente 11 municípios: Lagoa Vermelha, Bento Gonçalves, Gaurama, *Sarandi, Parobé, Gravataí, Horizontina, Santa Rosa, Feliz, Nova Petrópolis e Não-Me-Toque. O corte de luz nestas cidades ocorreu às 14h05min. Às 14h30min a energia começou a ser restabelecida e, às 16h, o fornecimento estava normalizado. Segundo a RGE, houve um corte de 10% na carga de distribuição. Não há dados sobre número de clientes atingidos pelo corte.

>>> Aumento do consumo não foi a causa da falha de transmissão, afirma governo

Na área da AES Sul, a companhia registrou interrupção no fornecimento em cinco municípios das 14h08min às 15h07min. Foram afetados *Venâncio Aires, Alegrete, Itaqui, Uruguaiana e São Borja. Em nota, a companhia afirma que foram desligados 96 MW em cinco subestações que atendiam esses municípios.

A Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE)  também informou que parte de suas redes foi afetada. Houve desabastecimento parcial nos municípios de Alvorada, Bagé, Canguçu, Dom Pedrito, Guaíba, Mostardas, Pelotas, Porto Alegre, Santo Antônio da Patrulha e Viamão, atingindo, no total, 140 mil clientes da concessionária. O serviço foi normalizado por volta das 16h.

Certel registrou corte de energia em sua área de fornecimento, que afetou todos os 60 mil clientes da concessionária — totalizando um total de 200 mil pessoas. Foram atingidos 47 municípios, sendo que alguns apenas parcialmente. São eles: Teutônia, *Venâncio Aires, Lajeado, Estrela, Salvador do Sul, Arroio do Meio, Carlos Barbosa, Barão, Boqueirão do Leão, Progresso, Pouso Novo, Poço das Antas, Imigrante, Tupandi, Paverama, São Pedro da Serra, Santa Clara do Sul, Sério, Capitão, Travesseiro, Gramado Xavier, Colinas, Taquara, Igrejinha, São José do Herval, Boa Vista do Sul, Marques de Souza, São Vendelino, Encantado, Farroupilha, Santa Teresa, Roca Sales, Harmonia, Brochier, Maratá, Fazenda Vilanova, Cruzeiro do Sul, Barros Cassal, Putinga, Fontoura Xavier, Coronel Pilar, Coqueiro Baixo, Forquetinha, Canudos do Vale, Westfália, São José do Sul e São Francisco de Paula. O serviço foi normalizado antes das 17h.

A Coprel (região de Ibirubá) e Creral (região de Erechim) também registraram falhas de abastecimento. Ao todo, o corte atingiu parcialmente 17 cidades das duas áreas: Ciríaco, David Canabarro, Muliterno, Santo Antônio do Palma, Caseiros, Gentil, Lagoa dos Três Cantos, Colorado, Santo Antônio do Planalto, *Sarandi, Ronda Alta, Rondinha, Pontão, Coqueiros do Sul e Severiano de Almeida, Três Arroios e Viadutos.

*OBS: Alguns municípios são atendidos por mais de uma concessionária

Problema nacional

Em nota, o Operador Nacional do Sistema (ONS) informou que a falha interrompeu o fluxo de 5 mil MW para as regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul. Ainda de acordo com o órgão, às 14h41 a interligação foi recuperada e a já foi iniciado o processo de recomposição das cargas desligadas.

Confira a nota do ONS:

"Às 14h03, uma perturbação no Sistema Interligado Nacional causou a abertura da interligação em 500 kV entre a Região Norte e as Regiões Sudeste/Sul, entre Colinas e Serra da Mesa, interrompendo o fluxo de 5 mil MW para essas regiões.

Para evitar a propagação do evento, houve atuação do primeiro estágio do Esquema Regional de Alívio de Carga (ERAC), causando o desligamento automático de cargas pré-selecionadas pelos agentes distribuidores locais, visando restabelecer a frequência do sistema.

Às 14h41, a interligação Norte-Sudeste foi religada e a frequência normalizada. Já foi iniciado o processo de recomposição das cargas desligadas.

Essas informações serão atualizadas tão logo novos dados estejam disponíveis".

Siga perfis de Economia no Twitter

  • farina_erik

    farina_erik

    Erik FarinaReal foi a 2ª moeda que mais valorizou em abril: 4,63%. Só fica atrás da Rupia Indonesia (6,41%), mostra consultoria CMA.há 1 diaRetweet
  • blogdavanessa

    blogdavanessa

    BlogdaVanessaResumão tech da semana: http://t.co/3kTKBVkzybhá 3 diasRetweet
clicRBS
Nova busca - outros