Recorde histórico30/01/2014 | 13h01

Porto Alegre teve o menor nível de desemprego do país em 2013

Taxa média da capital gaúcha ficou em 3,5%, ante resultado mensal de 5,4% no país

Enviar para um amigo

Em um ano marcado pelo baixo índice de desemprego no Brasil, Porto Alegre registrou a menor taxa média do Brasil, com 3,5%. O resultado também foi inferior ao de 2012 (4%).

No resultado mensal, a taxa de desemprego ficou em 2,6% em dezembro de 2013 (também a menor entre as regiões metropolitanas do país), ante 2,6% em novembro e 3% em dezembro de 2012. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira.

Na última quarta-feira, a Pesquisa de Emprego e Desemprego, apurada por Fundação de Economia e Estatística (FEE) e Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) também havia apurado a menor taxa histórica.

Em nível nacional, a taxa de desocupação verificada em dezembro de 2013, de 4,3%, também é a menor da série histórica iniciada pelo IBGE em março de 2002. Em novembro de 2013, a taxa havia sido de 4,6%. Com o resultado, a taxa média de desemprego no ano de 2013 ficou em 5,4%, também a menor da histórica.

Entre as capitais, Salvador é a que mantém a maior taxa média de desemprego, com 8,1%, em 2013. Em 2012, essa taxa havia sido de 7,2%.

No BRasil, de modo geral, a população desocupada ficou 6,6% menor em dezembro de 2013 em relação a igual mês do ano anterior, o que significa um total de 75 mil pessoas. Em relação a novembro, os desocupados diminuíram em 6,2%, ou 70 mil pessoas.

Já a população ocupada teve queda de 0,5% em dezembro de 2013 em relação a dezembro de 2012, o que significa 106 mil pessoas a menos. Em relação a novembro, houve aumento de 0,2%, o que representa 37 mil pessoas.

O contingente de pessoas não economicamente ativas aumentou 3,9% em dezembro na comparação a igual mês de 2012, ou 707 mil pessoas. Em relação a novembro do ano passado, esse aumento foi de 0,4%, ou 82 mil pessoas.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga perfis de Economia no Twitter

  • farina_erik

    farina_erik

    Erik FarinaReal foi a 2ª moeda que mais valorizou em abril: 4,63%. Só fica atrás da Rupia Indonesia (6,41%), mostra consultoria CMA.há 1 diaRetweet
  • blogdavanessa

    blogdavanessa

    BlogdaVanessaResumão tech da semana: http://t.co/3kTKBVkzybhá 3 diasRetweet
clicRBS
Nova busca - outros