Avanço de preços06/12/2013 | 10h07

Porto Alegre tem inflação maior do que a média brasileira

O resultado indica que em 2013 os preços na capital gaúcha avançaram mais rapidamente do que no restante do país

Enviar para um amigo

A inflação registrada em novembro em Porto Alegre ficou em 0,61%, um pouco acima da média nacional de 0,57% apontada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na manhã de sexta-feira. O resultado reforça uma tendência: em 2013 os preços na capital gaúcha avançaram em um ritmo mais acelerado que no restante do país.

No acumulado de onze meses do ano, a cidade com aumento de preços mais expressivo foi Recife. De janeiro a novembro, os preços na capital pernambucana cresceram 5,90%. Fortaleza (5,59%), São Paulo (5,10%) e Porto Alegre (5,08%) registraram altas mais tímidas, mas também ficaram acima da média nacional nos onze meses do ano, 4,95%.

No mês de novembro, a capital que registrou maior avanço de preços foi Fortaleza, com variação de 0,99%, seguido por Rio de Janeiro, com 0,75% e Porto Alegre 0,61%. As três cidades ficaram acima da média nacional. Salvador foi o destaque positivo. A capital da Bahia registrou inflação de 0,39%, a menor entre as regiões pesquisadas.

O sossego do dragão na capital baiana no mês de novembro não é caso isolado. Nos últimos meses a cidade tem chamado a atenção. Os preços lá têm subido bem abaixo da média do país. Não à toa, tem a menor inflação no acumulado do ano, 3,64%, muito abaixo da média nacional que de janeiro a novembro ficou em 4,95%.

Em uma perspectiva de 12 meses, o cenário não muda muito. Fortaleza e Recife apresentam os piores resultados, com avanço de preços na faixa de 6,93% e 6,75%, respectivamente. Porto Alegre, com 5,73% teve desempenho levemente melhor que a média nacional de 5,77%. Salvador mais uma vez teve a menor inflação do país. Os preços na capital baiana tiveram alta de 4,43% no acumulado em 12 meses.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga perfis de Economia no Twitter

  • farina_erik

    farina_erik

    Erik FarinaRoupas e calçados devem puxar alta de 8% nas vendas para o Dia das Mães, projetam lojistas de Porto Alegre. Data movimentará R$ 79 mi.há 5 horas Retweet
  • farina_erik

    farina_erik

    Erik FarinaReal foi a 2ª moeda que mais valorizou em abril: 4,63%. Só fica atrás da Rupia Indonesia (6,41%), mostra consultoria CMA.há 2 diasRetweet
clicRBS
Nova busca - outros