Federasul04/07/2012 | 17h27

Cooperativas vão investir R$ 1,7 bilhão em projetos no RS

Número de cooperativas diminuiu para garantir fôlego que será acrescido por novas plantas industriais.

Enviar para um amigo

Estão sendo desenvolvidos projetos que permitirão agregar valor aos produtos produzidos pelas cooperativas gaúchas. De acordo com o presidente do Sistema Ocergs-Sescoop/RS, Virgílio Frederico Perius, o planejamento estratégico, que começou neste ano termina em 2015 e “vai seguir o sistema europeu”.

Os projetos que estão sendo implantados, além da união das cooperativas, se referem a uma planta de biodiesel, esmagamento de grãos, indústria de aves e suínos, rearranjo do sistema vitivinícola, planta de produção de queijo e a formação de centrais de fertiizante e compras em comum. No caso dos fertilizantes já está sendo conversado, com a Índia, a importação de uma tecnologia que torne o produto mais barato.

Segundo Perius, os recursos virão das próprias cooperativas e equivalem a R$ 1,7 bilhão (deste total, 90% são recursos próprios). No entanto, o sistema tem outras ideias que já estão sendo levadas ao governo federal como a criação de uma parceria entre o BNDESPar e a Ocergs-Sescoop/RS.

Na sua saudação, o presidente da Federasul, Ricardo Russowsky, disse que o associativismo e o cooperativismo são irmãos gêmeos e que a união faz a força nestes dois casos.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga perfis de Economia no Twitter

  • farina_erik

    farina_erik

    Erik FarinaEspecialista diz que "bolha imobiliária" vai estourar depois da Copa. http://t.co/doxeokf18Whá 13 horas Retweet
  • farina_erik

    farina_erik

    Erik FarinaRT @Leogerchmann: Opositor argentino Sergio Massa, possível candidato presidencial, manteve na Fiesp reunião com empresários brasileiros de…há 1 diaRetweet
clicRBS
Nova busca - outros