O Luxo do Lixão26/05/2012 | 13h56

Sucesso de audiência, "Avenida Brasil" reserva virada na trama

Novela de João Emanuel Carneiro, em ritmo acelerado desde março, deve ter nova guinada a partir da metade

Enviar para um amigo
Sucesso de audiência, "Avenida Brasil" reserva virada na trama TV Globo/Divulgação
Débora Fallabella (Nina) e Cauã Reymond (Jorginho) em cena de "Avenida Brasil" Foto: TV Globo / Divulgação

Cinquenta capítulos após a estreia, já deu para ver para onde a novela Avenida Brasil se encaminha.Ou não. A trama assinada por João Emanuel Carneiro – que vem em ritmo acelerado desde os primeiros minutos de exibição, em 26 de março – promete uma reviravolta sensacional no capítulo cem. Ou seja, só daqui a dois meses o público irá conferir a grande virada da história. É quando Carminha (Adriana Esteves) descobrirá que Nina (Débora Falabella) não é quem diz ser.

Em A Favorita (2008), obra anterior do autor, a descoberta de quem era a verdadeira vilã zerou a ação. Tudo indica que o mesmo recomeço deva ocorrer com a atual novela do horário nobre. Não à toa, já vimos a vilã dizer que é apenas “vítima”. Pistas como esta sobre o rumo dos próximos capítulos são disparadas a toda hora por sites de entretenimento e publicações especializadas (incluindo o TV Show, é claro). Não faltam boatos de que Lucinda (Vera Holtz) é mãe de Carminha – o que é mentira – ou dúvidas acerca da paternidade de Jorginho (Cauã Reymond) e Ágata (Ana Karolina Lannes) – ambos são filhos de Max (Marcello Novaes). Netos, portanto, do explorador Nilo (José de Abreu). Estão todos irremediavelmente conectados.

Para retomar detalhes que passaram despercebidos e prospectar o futuro da novela das nove, a gente volta ao começo de tudo: o lixão localizado próximo ao logradouro que dá nome à trama. De lá vieram seis importantes personagens, hoje espalhados pelos 58 quilômetros de extensão da Avenida Brasil, a via expressa mais movimentada da cidade do Rio. Cenário de extrema pobreza, em contraste tanto com a extravagante mansão do bairro Divino (núcleo de Tufão, interpretado por Murilo Benício) quanto com as chiques coberturas da Zona Sul (núcleo de Alexandre Borges, o Cadinho), o aterro sanitário concentra os grandes segredos do enredo de João Emanuel Carneiro.

E haja segredo. O plano de vingança de Nina, por exemplo, segue sendo um grande mistério para o público – se é que a própria cozinheira sabe o que pretende fazer ou seguirá ouvindo atrás das portas até decidir. Isso sem contar os segredos que os próprios personagens guardam uns dos outros. Em meio a tantas mentiras e tramoias, o amor de infância entre Rita e Batata (Mel Maia e Bernardo Simões) – nascido no lixão e mostrado na primeira semana de Avenida Brasil – foi abordado nesta segunda fase, mas o romance durou bem pouco. Seria cedo demais, afinal de contas, para encaminhar um final feliz para o casal Nina e Jorginho. Como o próprio autor costuma responder quando perguntado sobre as próximas cenas,“que graça teria se as coisas fossem simples?”.

OITO FATOS SOBRE A “VILÔ CARMINHA
O passado nebuloso de Carminha não justifica suas vilanias, diz João Emanuel Carneiro, mas “ajudará o público a entender algumas de suas atitudes”. Quer entender um pouco mais da personalidade da vilã? Acompanhe:

1 – Na infância, Carminha foi parar no lixão ao ser trocada pela mãe por um liquidificador. O
dono do eletrodoméstico, na época, seria Nilo.

2 – A vilã e Max passaram a infância lá, assim como Rita e Batata, motivo pelo qual sentem tanto ódio do mundo.

3 – Além de Rita, Carminha também abandonou o filho biológico, Batata, aos três anos,
no lixão. Tufão, ao descobrir, a expulsará da mansão.

4 – Carminha e Max são os pais biológicos de Jorginho. Tufão, mesmo quando souber a verdade, continuará se sentindo pai do jogador e o tratando como filho.

5 – Carminha saiu do aterro após fechar contrato com uma agência de modelos. A carreira
não deu certo.

6 – Após fracassar como modelo, ela passou a se prostituir no bairro da Lapa, no Rio.

7 – Carminha já foi presa por tentar aplicar um golpe em um turista americano. Ele era
policial e a prendeu.

8 – A hoje socialite já foi cúmplice de um crime com Max e Nilo. Carminha assumiu a autoria da morte de uma pessoa no lugar de Lucinda

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga Segundo Caderno no Twitter

  • segundocaderno

    segundocaderno

    segundocadernoHumberto Gessinger participa do bate-papo "Com a Palavra", no StudioClio -->> http://t.co/1zMdAgJTlo http://t.co/0ewttpvDAIhá 7 horas Retweet
  • segundocaderno

    segundocaderno

    segundocadernoPalco Giratório Sesc-POA terá 130 atrações. Venda de ingressos começa nesta quarta -->> http://t.co/BQM6QwC63n http://t.co/iPmSKJNyhlhá 8 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros