A fila não anda15/05/2012 | 11h27

Quem paga R$ 300 para ver Bob Dylan não vai voltar de ônibus", alega EPTC sobre falta de transporte público

Para o gerente de fiscalização da EPTC, o transporte público extra é disponibilizado "quando o perfil do show é mais acessível"

Enviar para um amigo
Quem paga R$ 300 para ver Bob Dylan não vai voltar de ônibus", alega EPTC sobre falta de transporte público Ronaldo Bernardi e Marlise Brenol/
Na foto acima, os fãs levaram horas para chegar ao Beira-Rio na apresentação de Roger Waters. Abaixo, a fila que se formou no aeroporto para o pagamento do estacionamento Foto: Ronaldo Bernardi e Marlise Brenol

O transtorno na hora de o público ir embora do show do Los Hermanos, no fim de semana, foi o bis de um problema recorrente em Porto Alegre: a falta de estrutura para espetáculos de médio e grande porte.

Questionadas sobre a extensão de horários ou ônibus, carros e trens extra, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e a Trensurb alegam que a necessidade deve partir de quem organiza o show.

Só os produtores podem informar o público esperado e os horários de entrada e saída – a partir daí, avalia-se as necessidades. O gerente de fiscalização de trânsito da EPTC, Tarciso Kasper, garante que a disponibilização de transporte pós-shows é analisada de acordo com o perfil de cada espetáculo.

– O valor do ingresso é um indicativo. O cara que paga R$ 300 para o Bob Dylan, assim como quem foi ao show do Los Hermanos, não vai voltar de ônibus. Geralmente, colocamos transporte público extra quando o perfil do show é mais acessível – informa Kasper.

Os fãs que enfrentaram problemas para voltar do Los Hermanos, com ingressos de R$ 60 a R$ 100, discordam.

– Como vai ter bastante gente usando ônibus, mesmo tarde da noite, eu voltaria de ônibus. Até porque, assim, o pessoal pode beber sem se preocupar – aponta a designer Lanna Collares.

Você já enfrentou problemas ao ir a shows na Capital? Conte para nós!

Confira em infográfico o show de problemas:

Confira outras práticas que podem melhorar a vida de quem frequenta a grandes shows:

Trânsito: Ações conjuntas da EPTC e da Secretaria Municipal de Indústria e Comércio (Smic) nos shows de Roger Waters, Bob Dylan e Los Hermanos impediram o estacionamento em locais proibidos e a instalação de ambulantes em pontos que pudessem atrapalhar o fluxo dos automóveis. É uma melhora, mas quem depende de estacionar para ir a um show ainda sente falta de uma sinalização mais adequada (inclusive com relação aos acessos) e uma postura mais incisiva da Brigada Militar para coibir a ação agressiva dos flanelinhas.

Ingressos: Abolir ou diminuir taxas de conveniência abusivas é outra iniciativa que faria a felicidade do público. O festival Sónar, em São Paulo, foi um dos pioneiros. Os ingressos comprados pela internet tinham o mesmo preço daqueles dos pontos físicos. O problema, no entanto, acabou sendo na hora de trocar o comprovante da compra pelo bilhete: houve quem ficasse até duas horas na fila. Ou seja, existem soluções, mas show sem suor só no DVD.

Comentar esta matéria Comentários (61)

luiz alberto

Declaração infeliz que um Gerente de um órgão tão importante poderia dar. Pergunte a ele se as pessoas que virão de vários pontos do mundo , gastarem centenas de milhares de dólares na cidade e no estado,em virtude da Copa do Mundo,se elas também não precisam pegar ônibus? Infeliz!

17/05/2012 | 01h17 Denunciar

Thiago

E outra... bafômetro deve ser obrigatório e o indivíduo com presunção de culpa. Devendo fazê-lo para comprovar inocência. Leis de trânsito brasileira são muito leves, em outros países tu perde a carteira e tem que recorrer na justiça para conseguir a carteira de novo...

16/05/2012 | 20h38 Denunciar

Thiago

Quanto ao rapaz que falou que queria ir no show, tomar uma cerveja e voltar de ônibus, tem que deixar de ser hipócrita, porque o que mais tem é elemento bebendo e pegando o carro... todos os dias... agora todos são santos quanto a feliz realidade comentada pelo gerente de EPTC...

16/05/2012 | 20h35 Denunciar

Thiago

É por essas e outras que estou ficando com asco do povo porto-alegrense. É uma tremenda hipocrisia esses comentários abaixo. Até parece que quem paga 300 reais em um show vai de ônibus. A massa que está disposta a pagar esses valores vai de carro e táxi.

16/05/2012 | 20h31 Denunciar

Giovanni

É um absurdo utilizar essa justificativa. Culpar o valor do ingresso é uma atitude vergonhosa de quem não consegue fazer o seu trabalho direito. Fui ao show do Los Hermanos e muita gente estava na parada de ônibus esperando para voltar para casa. Como desafogar o trânsito sem transporte coletivo?

16/05/2012 | 02h05 Denunciar

fernanda

Só vejo a EPTC fazer Blitz Puramente arrecadatórias. Sou a favor da Balada Segura, desde que exista uma opção REAL de transporte Público á noite. Além das linhas de ônibus e lotações não funcionarem durante toda a noite vivemos numa cidade VIOLENTA e INSeGURA!

15/05/2012 | 20h58 Denunciar

Ubiratan

que falta de organização!! quero ver para o show da Madonna em dezembro, paguei R$ 360,00 pelo ingresso,pretendo ir de ônibus, pelo fato de ficar despreocupado com trânsito e segurança de veículo. Acho q o Sr presidente da EPTC, tem que insentivar ao uso do trasnporte público e não dificultar.

15/05/2012 | 20h26 Denunciar

Ulisses A. Nenê

O problema não é só nos shows NÃO. No vestibular da Ufrgs não havia ônibus da Carrias para voltar do Campus ao centro no final da manhã. Simplesmente recolheram TODOS os ônibus, passavam direto pelas paradas onde centenas de estudantes aguardavam um meio para voltar para casa.

15/05/2012 | 19h00 Denunciar

Ivan

Esta será a tônica dos erros do MAU GERENCIAMENTO DA CIDADE e um ÓTIMO EXEMPLO do que está sendo feito para a COPA de 2014, FALTA TUDO DESDE INFRAESTRUTURA, SANEAMENTO, TRANSPORTE, EDUCAÇÃO E BONS GERENCIADORES COM VISÃO DO FUTURO. ESTÁ TUDO ERRADO, SÓ POLITICAGEM EM ÉPOCA PRÉ-ELEITORAL.

15/05/2012 | 18h22 Denunciar

Amanda

A desorganização não é só trasporte publico não ..... Pois fui de carro ao Los Hermanos, fiquei UMA HORA E QUARENTA E CINCO na fila para pagar estacionamento no aeroporto.. e quem tentou pega taxi enfrentou a mesma situação de espera.. E A COPA DO MUNDO AI NÉ...

15/05/2012 | 18h12 Denunciar

Luiz Carlos

Este cidadão que é gerente de fiscalização mostrou o que já se sabe falta de capacidade aliás a EPTC só funciona para multar motoristas, espero que o próximo prefeito faça uma limpeza por lá.

15/05/2012 | 17h59 Denunciar

Fabricio Adriano

Pior do que a declaração do cidadao da EPTC sao os comentarios de quem diz que vai beber e voltar de carro. Belo argumento pra dirigir bebado. Consciencia passou longe destes corpos. Nao é pq nao tem onibus que eu vou dirigir mamado. Pelo amor de deus. Nao beber nem pensar. Triste.

15/05/2012 | 17h36 Denunciar

Anderson Rodrigues Cyntrão

na hora de subir os preços da trensurb e dos ônibus na capital eles são bem ligeirinhos e pontuais.a trensurb para fazer greve também não falha e vive tendo "problemas" suspeitos em sua operação.as escadas rolantes funiconam 2 dias e ficam 6 meses paradas,é precário o transporte coletivo.

15/05/2012 | 17h02 Denunciar

Eder

Esta é uma afirmação clássica que corrobora simplesmente o cerne e a natureza da EPTC. O mais puro e descarado COMUNISMO!

15/05/2012 | 16h51 Denunciar

Francisco

Fui em um show do U2 em Wembley, ficava longe de onde eu morava em Londres. Sabe como voltei pra casa junto com uma multidão de milhares de pessoas?? De metrô e ônibus. Nunca tive necessidade de usar carro por lá porque o transporte era eficiente e realmente coletivo.

15/05/2012 | 16h44 Denunciar

paulinho

para quem foi no show do los hermanos: vão voltar de bicicleta e aproveitem e registrem o momento via instagran!!

15/05/2012 | 16h34 Denunciar

Luciane

No show do Bob Dylan, cerca de 100 carros foram guinchados por estacionamento em lugar proibido. Só que quando eu (e os outros 99) estacionei, estavam juntos os flanelinhas (com colete da cooperativa) azulzinhos e brigadianos. Vi que era proibido, mas fui autorizada e depois guinchada. Máfia é máfia

15/05/2012 | 16h30 Denunciar

Alessandro

"Quem paga R$ 400 para ir a um jogo da Copa do Mundo, não vai voltar de ônibus" [EPTC. 2014]. Esta vai ser a futura resposta quando não houver estrutura na Copa.

15/05/2012 | 16h24 Denunciar

ceesar

A EPTC HÁ MUITO É UMA EMPRESA QUE NÃO TEM COMPROMETIMENTO NENHUM COM O PORTOALEGRENSE QUE PAGA SEUS FUNCIONARIOS SERVE PRÁ FICAR BOBAMENTE NA MOITA NOS MESMOS LUGARES ANUNCIADOS PRÁ PEGAR MOTORISTA A 67 POR HORA ENQUANTO NADA FAZ COM ALTAS VELOCIDADES DE LOTAÇÕES, E ATROPELAMENTOS( ALTO INDIC

15/05/2012 | 16h16 Denunciar

Gabriel

Como é que a diretoria da EPTC ainda tem emprego depois de divulgar esse pensamento?

15/05/2012 | 16h15 Denunciar

Dilson

Para que serve a EPTC? Os problemas de trânsito decorrem do excesso de veículos; transporte público destinado somente a quem paga menos de R$ 300,00 por um show; os ônibus não cumprem tabelas horárias. Não precisamos de EPTC para isto! Tem a SMT e os brigadianos atendiam bem o trânsito em POA.

15/05/2012 | 16h09 Denunciar

Fernando de Oliveira

Muito infeliz o comentário do empregado da EPTC. Aliás, a EPTC em geral é de uma infelicidade só...

15/05/2012 | 16h06 Denunciar

ROBERTO

A EPTC só serve para arrecadar dinheiro.Educação no trânsito nada, só querem os pilas. Que vergonha.

15/05/2012 | 16h02 Denunciar

assalaam

Este senhor anda na contramão da própria empresa! Lembro de ter visto ha algum tempo um engenheiro da EPTC explicando os seus esforços para conscientizar as pessoas sobre a importancia do transporte coletivo de qualidade, como na Europa. Agora esse aí mandou proa ares a imagem que eu tinha deles!

15/05/2012 | 15h53 Denunciar

natalie figueiró

é um absurdo,então se eu pago uma grana para ir num show ,eu não tenho direito de andar em um transporte publico??? Oque este cidadão faz na EPTC???

15/05/2012 | 15h42 Denunciar

GUSTAVO

Para esse gerente, então, quem ganha a partir de determinada remuneração não tem direito a transporte público, é isso? Rua para ele!!!

15/05/2012 | 15h29 Denunciar

Jerônimo

Barbaridade essa EPCT, quero ver na copa... quando as pessoas conseguem se divertir, a EPTC obriga e induz aos bebados que usem seu carro, pois assim faz uma mega blitz na saída e multa todo mundo.... só querem dinheiro.... quando tranca o transito não aparece nenhum marimbondo azul!!! VERGONHA..

15/05/2012 | 15h10 Denunciar

gaucha Poa

Mais uma vez a cidade mostra que não tem nem estrutura, nem culutura, nem pessoal qualificado para fazer uma Copa do Mundo.

15/05/2012 | 15h00 Denunciar

Saulo

Que declaração mais besta essa, totalmente incoerente com as políticas públicas de transporte e segurança. Afinal se houvesse mais ônibus disponível, reduziria o número de acidentes por motoristas que se arriscam a beber no show e o tráfego fluiria muito melhor sem a enorme qntdade de carros.

15/05/2012 | 14h45 Denunciar

Zilá Theresinha

Esse senhor da EPTC além incompetente é mal informado. Como todo brasileiro gosto de ir a jogos de futebol. Infelizmente deixei de ir as quartas feiras porque o ônibus que poderia pegar, T2A, tem última saída as 23h20min. Não é só quem tem poder de compra que fica a pé. A copa vem aí.

15/05/2012 | 14h43 Denunciar

Max

Esta declaração do Sr. Kasper é apenas o reflexo do despreparo dos gestores e dos colaboradores da EPTC, e conduzem para um cenário futuro preocupante para o transito porto alegrense. Realmente como cidadão deste bela cidade esperamos que exista maior proatividade na resolução dos problemas.

15/05/2012 | 14h08 Denunciar

Devanir

Realmente a estupidez humana não tem limites. "EPTC: trabalhando para piorar a vida do Porto alegrense."

15/05/2012 | 14h04 Denunciar

Vinicius Streit

Por essa lógica não deveriam circular ônibus em bairros nobres. Ou, por acaso, os veículos são disponibilizados para uso exclusivo de meia dúzia de empregadas? Tá cheio de gente que tem medo de andar de carro, não sabe dirigir ou acha ecologicamente bonito andar de ônibus, em qualquer faixa social.

15/05/2012 | 13h57 Denunciar

Evandro

Este é o nível de Funcionário Público que temos. A EPTC presta o maior desserviço a cidade de Porto Alegre com seus funcionários despreparados e sem o menor respeito pela população da cidade que os paga! Lamentável.

15/05/2012 | 13h53 Denunciar

Thaís

Ah, claro, faz todo o sentido. -.- Eu nem de POA sou, fui de excursão mas mesmo assim, achei que era melhor então o cara nem ter dito nada do que dizer uma coisa dessas. Então todo mundo tem carro e ninguém bebe álcool no show, ou todos tem dinheiro de sobra pra pegar taxi sabe-se lá pra onde, com valor já mais alto pela hora/bandeira, depois de pagar ingresso + bebida que não saem nada baratos. Pode até ser que o nível econômico de quem frequenta os shows seja mais alto, mas dizer que não se pega ônibus por isso é praticamente preconceito! Então cultura é realmente pra poucos e assim que deve permanecer? Como sempre, é mais fácil arranjar desculpa que solução né.

15/05/2012 | 13h52 Denunciar

Rafael Crumenauer

Sou frequentador desse tipo de evento e nem mesmo tenho carro. uma coisa é gastar 300 reais(ingreço vip) pra ver um show e outra é 20 mil reais(carro popular) pra ter um carro! Respeito com o cidadão é o mínimo que a eptc deveria ter.

15/05/2012 | 13h37 Denunciar

Rafael Crumenauer

Não sei se o pior é o cara da eptc ou os outros que concordam com ele. Primeiro, 300 reais era a entrada mais cara do Dylan, haviam ingreços a 90 reais. Segundo fãs fazem das tripas coração para ir nos shows e muitas vezes gastam mais do que podem e sim a MAIORIA volta de táxi ou bús.

15/05/2012 | 13h36 Denunciar

Diego

Porto Alegre é demais. Ruim demais...

15/05/2012 | 13h31 Denunciar

Gerson

Declaração mais do que infeliz desse Tarciso Kasper. Um cara desses merecia ser afastado do cargo. Legítimo exemplo da incompetência da EPTC.

15/05/2012 | 13h31 Denunciar

Moacir

O Sr. Tarciso Kasper perdeu uma ótima oportunidade de ficar de boca fechada. A circulação de veículos do jeito que esta em Porto Alegre e este senhor me solta uma pérola destas..

15/05/2012 | 13h21 Denunciar

José Nilo

Administração da EPTC mostra-se ineficiente e burra. Tem gente mais competente no mercado; é caso de justa causa!

15/05/2012 | 13h18 Denunciar

Luiz Carlos

Uma pessoa com esse tipo de precoceito NÃO PODE OCUPAR O CARGO QUE ESTÁ OCUPANDO.Demonstra ser preconceituoso e não saber onde está trabalhando, pois, existem várias campanhas para abandonar os automóveis e andar de ônibus e vem a EPTC através de um de seus líderes dizer asneira.A EPTC é sóp/multar?

15/05/2012 | 13h18 Denunciar

Elaine

Sim. Quem ainda se aventura em Porto Alegre, à noite, quando volta de shows, de bares, de jogos de futebol, da escola ou faculdade, ou até mesmo do trabalho, sempre enfrenta problemas com o transporte coletivo. Não há ônibus extra para grande público e também não há ônibus para tabela horária normal

15/05/2012 | 13h10 Denunciar

Luís Cláudio

Acho q todos q responderam achando errado nao ter onibus nao foram no show e se fossem, iriam de carro. Querem que todo show particular tenha varios onibus as 3 da madrugada indo para todos os bairros? Se eu nao vou no show tenho q pagar por isso?! O problema desse show foi no estacionamento!!!

15/05/2012 | 13h07 Denunciar

suzana

preconceito do nosso funcionario. ele precisa de uma reciclagem... talvez umas palestras do rh sobre a missao da eptc, atualidades tecnologicas no ramo deles, coisas assim. temos que ficar de olho nessa gente que ocupa cargo. usar o tal de portal da transparencia, quem sabe.

15/05/2012 | 13h00 Denunciar

Alexandre

Se alegam isso pro show do Bob Dylan, Los Hermanos, quero ver o que vão falar pro show da Madonna, onde o ingresso mais caro, sem a taxa, é R$800,00 e será em um domingo. Acho bom que quem tenha helicóptero, o use nesse dia.... Ou compre uma barraca iglu e fique nas praças ali perto mesmo.

15/05/2012 | 12h57 Denunciar

Tarcísio

Guilherme, te liga e te informa. Como comentou o Felipe Weber muitos guardam a grana para usa diversão e certamente voltou de bus pra casa (como eu).

15/05/2012 | 12h41 Denunciar

paveck

EPTC preconceituosa

15/05/2012 | 12h38 Denunciar

Tarcísio

Nossa, esse Tarciso Kasper tem que rever seu conceito (pré) e no mínimo se informar um pouco. Ora, se alguém paga 300 pelo ingresso do Bob Dylan não anda de õnibus? De onde ele tirou essa asneira? Campanhas e campanhas pro pessoal não dirigir bêbado e ele vem com essa.

15/05/2012 | 12h38 Denunciar

Alexandre

É isso mesmo!!! Deixe o carro em casa e vá de ônibus, afinal as carroças e carrinhos de catadores precisam de mais espaço.

15/05/2012 | 12h36 Denunciar

Jainara Martiny

Ele diz que quem paga R$300,00 para ver o show não volta de ônibus. Claro, o certo é beber uma cerveja por lá e voltar dirigindo!!! Ou caminhando já que a cidade é tão segura e não existem assaltos!!! Inclusive acho que deveriam ser extintos os ônibus né?! Assim a EPTC pode dedicar-se só a multar...

15/05/2012 | 12h16 Denunciar

jorge

A EPTC e Prefeitura deveriam, nestas vias que estão duplicadas e as que irão ser, exigir que haja corredor de onibus, o trabalhador que usa o coletivo chegará mais rápido ao seu destino,e consequentemente irá diminuir o transito, já que migrarão de transporte particular para coletivo.

15/05/2012 | 12h15 Denunciar

Guilherme

a pessoal, não mintam pro tio! Com certeza não volta de ônibus quem vai num show desses. Se tiver demanda pra isso deve ser "uma parte da minoria" só, uns 0,001%. Concordo que foi uma bagunça mesmo, mas essa história de voltar de ônibus é pura furada!

15/05/2012 | 12h15 Denunciar

rose freymann

O Sr. Tarciso Kasper, gerente de fiscalização de trânsito da EPTC, é um forte candidato à demissão....

15/05/2012 | 12h11 Denunciar

Jussara

Seu Tarciso Kasper precisa rever seus conceitos urgentemente!! Um senhor com este tipo de pensamento jamais poderia assumir tal cargo! O transporte público é para todos. Com dinheiro ou sem. E em dia de shows e festas deveria sim ser o transporte mais recomendado e utilizado.

15/05/2012 | 12h09 Denunciar

Vanderlei

Que baita bobagem falou esse tal de tarciso , por isso que o transito é uma bagunça em Poa bem como o transporte publico, com esse ai falando bobagem dá pra entender por que do interesse só em multa, afinal se não tem competência pra falar é melhor ficar quieto, falar asneira é que não pode.

15/05/2012 | 12h05 Denunciar

Álisson Pavão Agostinho

Sim não voltarão de ônibus, porque a querida EPCT não vai disponibilizar né?? E por que quem gasta R$300,00 reais em um ingresso não pode voltar de ônibus para casa? Preconceito???

15/05/2012 | 11h58 Denunciar

eduardo

E´por isso que as coisas nao funcionam nessa cidade.E´através de pensamentos absurdos como esse "quem paga 300 nao volta de onibus"e´que conhecemos o perfil de quem deveria gerenciar sem preconceitos.Nada mais errado.La fora funciona e e´organizado,porque se coloca transporte a disposiçao de TODOS.

15/05/2012 | 11h55 Denunciar

Alexandre

Realmente a EPTC demonstra o quão pouco conhece a nossa cidade e suas necessidades de transporte coletivo.

15/05/2012 | 11h51 Denunciar

Diego

Pensamento pequeno. Transporte público de qualidade deve ser tanto para pessoas com dinheiro quanto para pessoas sem dinheiro. Se houvesse ótimos sistemas de ônibus/metrô, não haveriam congestionamentos na cidade. Quem já foi alguma vez na Europa entende o que quero dizer.

15/05/2012 | 11h49 Denunciar

Felipe Weber

A EPTC não poderia estar mais errada, quem paga R$300 para ver um show na maior parte das vezes GUARDOU DINHEIRO para poder investir em seu próprio entretenimento; isto não indica, de forma alguma, que esta pessoa tem condições de ir de taxi ou com condução própria.

15/05/2012 | 11h44 Denunciar

Siga Segundo Caderno no Twitter

  • segundocaderno

    segundocaderno

    segundocadernoEm novo álbum, Jorge Drexler busca inspiração nos ritmos latinos -->> http://t.co/zq3zL1GotU http://t.co/PqBuandUlKhá 1 horaRetweet
  • segundocaderno

    segundocaderno

    segundocadernoPresidente da Colômbia nega que García Márquez esteja com metástase -->> http://t.co/6AMkSpdhUQ http://t.co/TKZ9stxviShá 1 diaRetweet
clicRBS
Nova busca - outros